Enfermeira e Técnico em Enfermagem são os primeiros vacinados do HSDS

A Gerente de Enfermagem Marlene Perazzoli e o Técnico em Enfermagem Douglas Ansiliero foram os primeiros imunizados contra Covid-19 no Hospital Salvatoriano Divino Salvador. Os dois receberam a vacina na tarde de terça-feira, 19, abrindo o momento histórico para a vacinação de outros 173 profissionais.

A Enfermeira Marlene Perazzoli salienta que a vacinação em massa é realmente a única forma de sair da pandemia e voltar a vida normal. Lembrando que até que isso não aconteça devemos continuar nos protegendo e protegendo as pessoas a nossa volta.

“É uma sensação de vitória principalmente para os profissionais da saúde que estão na linha de frente”, comemora.

Enfermeira Marlene Perazzoli
Marlene recebeu a vacina na manhã do dia 20

As vacinas

As vacinas CoronaVac foram disponibilizadas pelo Governo do Estado, depois de receber a liberação da Anvisa para uso emergencial, e chegaram ao município na terça-feira, 19, pela manhã. Seguindo o protocolo elaborado pelo Estado, foram imunizados nesta etapa os profissionais da linha de frente do combate à Covid-19 na instituição. “Os profissionais que receberam a vacina na primeira etapa atuam na UTI, na Emergência e no Setor Covid do HSDS. Elas permitiram vacinar a equipe de enfermagem, de fisioterapia, de limpeza e os médicos”, destaca o diretor administrativo André Ragnini.

Parte da equipe recebeu a vacina na manhã de quinta-feira, 21. Segundo Ragnini, a chegada do imunizante contribui para reduzir a tensão a que os profissionais foram submetidos desde o início da pandemia. “As equipes convivem com a doença, estão bastante expostas e enfrentam o medo diariamente para fazer o possível para salvar vidas. Receber a vacina implica em garantir mais segurança para todos e reduzir o nível de estresse a que estão submetidos diariamente, com medo da contaminação”, explica o diretor.

Técnico em Enfermagem, Douglas Ansiliero recebeu a vacina no HSDS

Mesmo que a imunização tenha começado, o Hospital reforça as orientações de prevenção para a população. “A vacinação é importante. Orientamos que a população não tenha medo e tome a vacina assim que estiver disponível para a sua faixa etária. Uma parte da equipe está vacinada, mas todos ainda devem se cuidar. Devemos lembrar que as medidas preventivas são eficazes e fazem toda a diferença”, salienta. Usar máscara, evitar aglomerações, manter o distanciamento social e higienizar as mãos com álcool em gel sempre que estiver disponível é importante até que a vacinação avance para parcelas maiores da população. 

Outros conteúdos